Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Como dar feedback para designers?

Criar a marca perfeita não é uma tarefa fácil. Tanto para quem está criando como para quem vai aprová-la. Pensando em auxiliar essa troca entre designers e aprovadores de marcas/produtos, nós resolvemos conversar com nosso designer Robson Fernandez (@robsonfernandezart) pra desvendar o maior ruído em projetos: O FEEDBACK ASSERTIVO.

É importante dizer que esse não é apenas um problema que acontece com designers, a falta de um feedback assertivo prejudica o tempo de duração do projeto de vários tipos de profissionais da indústria criativa, então, mesmo que você não trabalhe com designers, essas dicas vão te ajudar a dar feedback pra todo seu time criativo.

“Dar um feedback não é tão simples quanto parece. Principalmente, se você não tem muito contato com a parte criativa do projeto. A falta de comunicação direta pode impactar no processo de design, deixando mais longo e menos assertivo”.

Robson Fernadez

Agora, vamos às dicas:

Cuidado com a opinião pessoal, ela pode atrapalhar.

A cor ou qualquer outro elemento que o designer escolhe reflete aquilo que foi definido na estratégia. Se você falar apenas que não gostou é superficial e pode atrasar e atrapalhar o processo, ao invés de ajudar.

Explique o motivo por trás da sua opinião pra não parecer apenas um gosto pessoal com pouco fundamento lógico, visto que no design toda escolha possui um porquê. 

O design é fruto de uma boa estratégia, por isso, avalie tudo antes de aprová-la. 

Quando você explica o porquê gosta e não gosta de algo, tudo torna-se mais compreensível e o designer consegue compreender aquilo que você deseja.

Não fique calado, dê a sua opinião.

 “Não sei dar feedback, então vou ficar quieto”, isso é o que pensa muitas pessoas quando veem algo que as desagrada no projeto. Mas você não pode ficar travado, quando o assunto é a construção da sua marca, é fundamental que você participe ativamente. Você precisa finalizar o projeto amando o que foi criado.

Sempre comente, traga referências de marcas que gosta, diga o que não gosta e o porquê.

Descreva aquilo que você sente e o que deseja.

“Quero que seja forte, chique, popular, feminino. Achei a cor muito fofa e sofisticada”. Dessa forma, o designer vai conseguir entender o que você deseja e como se sente em relação aos elementos. Isso o ajudará a tomar decisões mais assertivas. 

Quanto mais informações você fornecer ao designer, maiores serão as chances de acerto.

Por exemplo, se você deseja uma marca forte, use essa palavra e mostre referências, assim o designer vai ter clareza do que você deseja e do que é “forte” pra você.

Apresente referências e abuse dos adjetivos.  

Identifique problemas.

“Acho que está faltando algo que nos dê mais sofisticação, trouxe algumas referências de como imaginei o projeto”. Esse é o sonho, porque dessa forma o designer saberá o que está faltando no projeto e conseguirá imaginar onde e o que procurar como potenciais soluções para o problema.

A identidade visual é da marca, não do indivíduo.

Essa parte é um pouquinho complicada, mas é preciso saber diferenciar aquilo que é bom para a marca e o que são seus gostos pessoais. É preciso sempre ter o olhar da estratégia, muitas vezes os clientes olham apenas para os seus gostos pessoais e esquecem totalmente a estratégia da marca.

Por isso, é tão importante que você esteja atento durante a fase de estratégia e aprove os conceitos apenas se fizerem sentido. A estratégia é o ponto de onde tudo parte e o design é uma resposta a essa estratégia.

Um feedback assertivo faz toda a diferença na construção de um projeto incrível no tempo certo. Inclusive, esse é um dos fatores que justificam a nossa criação de marca em tempo recorde. Desenvolvemos nossa Metodologia de Direcionamento Criativo para não ter bate e volta, o que acelera todo o processo de criação.

Aproveite essas dicas e faça com que os seus projetos sejam muito mais ágeis e assertivos.

***

Curtiu? Então não perca a oportunidade de assinar a nossa newsletter e receber conteúdo de qualidade sobre branding.

Ah, A Brand Gym é uma agência de branding para startups, ou como preferimos falar: uma agência agilizada e vida real. Quer conhecer mais? Vem ver nossos cases. 


Instagram Brand Gym  |  LinkedIn Brand Gym  |  Medium Brand Gym  | Comunidade  | Eventos


		
BRAND NEWS

Uma carta de amor ao branding quinzenalmente na sua caixa de email. Curadoria do melhor conteúdo feito pelo time Brand Gym e por outros produtos de conteúdo incríveis. VEM!

Ok
bgebge